Philology

Claiming the philologic inheritance of Luís Filipe Lindley Cintra, this Group aims at locating, interpreting and critically editing literary and non-literary, unpublished or unsatisfactorily published texts that are relevant to the history and the description of Portuguese language. 

The group acts in the fields of genetic criticism, history of the book and bibliography. It currently focuses on the development of electronic resources that enhance the reading and the study of literary and metalinguistic texts, giving special attention to Middle Ages and the Baroque period. At the same time the genetic and critical edition of modern authors such as Almeida Garrett, Camilo Castelo Branco and Fernando Pessoa is proceeding.   

The Group intends to build a reference frame for the study and philological practice in Portugal, making evident the contribution of Philology for the research in the History of Language, as well as for the preservation of literary and cultural memory. 

Furthermore the research materializes in partnerships with the Programme in Textual Criticism and the Department of General and Romance Linguistics, teaching units at FLUL.
 

Livro
(2003). Razões e Emoção. (I. Castro & Duarte, I., Eds.), Miscelânea de estudos em homenagem a Maria Helena Mira Mateus (Vol. 1–2). Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Castro, I. (1931). Poemas de Fernando Pessoa. Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Castro, I. (2004). Introdução à História do Português. Lisboa: Colibri.
Castro, I. (2006). Introdução à História do Português (2.nd ed.). Lisboa: Colibri.
Castro, I. (2006). Storia della Lingua Portoghesa. Roma: Bulzoni.
Branco, C. C. (2007). Amor de Perdição. (I. Castro, Ed.) (ed. crítico-genética). Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Castro, I., Vasconcelos, M., Duarte, L. F., Dionísio, J., Mendes, J., Prista, L., & N., J. (1995). Clara em sua Geração (Miscelânea Cleonice Berardinelli). Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro.
(2018). Nervoso Mestre, Domador Valente/Da Rima e do Soneto Português : João Penha (1839-1919) e o Seu Tempo. (F. Topa & Pereira, E., Eds.). FLUP-CITCEM. http://doi.org/10.21747/978-989-8970-04-6/ner
Pereira, E. (2007). Apesar dos Pedantes que me afeiam, porque os hei-de obrigar a que me leiam: Opúsculo para Jorge da Câmara. München: Martin Meidenbauer.
Sobral, C. (2019). Camilo Castelo Branco. Coração, Cabeça e Estômago. Edição crítica. Lisboa: Imprensa Nacional.
Vieira, A. L. (1971). Cancioneiro de Coimbra . (I. Castro, Ed.). Lisboa: Parceria A. M. Pereira.
Pessoa, F. (2015). Poemas de Alberto Caeiro. (I. Castro, Ed.), Edição Crítica de Fernando Pessoa (Vol. IV). Lisboa: Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Castro, I., Rodrigues-Moura, E., & de Barros, L. (2017). A Fénix Renascida. Lisboa: Gulbenkian.
Castro, I. (2019). O Legado de Leite de Vasconcelos na Universidade de Lisboa. Lisboa: Imprensa Nacional.
Capítulo de Livro
Sobral, C. (2013). A tradução portuguesa dos Diálogos de S.Gregório: revisão estemática. In (pp. 515-527). R. Álvarez, A. M. Martins, H. Monteagudo & M. A. Ramos. Santiago de Compostela: Universidade de Santiago de Compostela.
Sobral, C. (2012). In virtute signorum: Paulo de Tarso na hagiografia medieval. In Paulo de Tarso: grego e romano, judeu e cristão (pp. 199-211). J. A. Ramos, M. C. de Sousa Pimentel, M. do Céu Fialho & N. S. Rodrigues. Lisboa: Centro de Estudos Clássicos e Humanísticos da Universidade de Coimbra.
Sobral, C. (2001). O Orto do Esposo. In História da Literatura Portuguesa. I (pp. 411-420). Das Origens ao Cancioneiro Geral, Lisboa: Alfa.
Sobral, C. (1999). Vida de Santa Iria (edição crítica). In História e Antologia da Literatura Portuguesa. Século XV. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian - Serviço de Bibliotecas e apoio à leitura.
Sobral, C. (1997). Um autor ignorado e a recepção da hagiografia no século XV. In O Género do Texto Medieval (pp. 271-281). C de Almeida Ribeiro & M. Madureira. Lisboa: Edições Cosmos.
Sobral, C. (1993). Vida de Santa Maria Egipcíaca. In Dicionário de Literatura Medieval Galega e Portuguesa. por G. Tavani & G. Lanciani. Lisboa: Caminho.
Correia, Â. (2007). O enquadramento histórico das cantigas à “ama” do trovador Joam Soares Coelho, in And gladly wolde (s) he lerne and gladly teche. In (pp. 111-120). Lisboa: DEA.
Pereira, E. (2009). Jacinto Freire de Andrade. In J. Reis-Sá & Lage, R. (Eds.), Poemas Portugueses: Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc. XXI (p. 541). Porto: Porto Editora.
Pereira, E. (2009). Frei Jerónimo Baía. In J. Reis-Sá & Lage, R. (Eds.), Poemas Portugueses: Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc. XXI (p. 577). Porto: Porto Editora.
Pereira, E. (2009). André Nunes da Silva. In Poemas Portugueses: Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc. XXI (p. 588). Porto: Porto Editora.
Pereira, E. (2009). António da Fonseca Soares. In J. Reis-Sá & Lage, R. (Eds.), Poemas Portugueses: Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc. XXI (p. 590). Porto: Porto Editora.
Pereira, E. (2009). João Xavier de Matos. In J. Reis-Sá & Lage, R. (Eds.), Poemas Portugueses: Antologia da Poesia Portuguesa do Séc. XIII ao Séc. XXI (p. 639). Porto: Porto Editora.
Cardeira, E., & Neto, T. (2015). Portugais: textes anciens. In Manuel des Anthologies, Corpus et Textes Romans (M. Iliescu & E. Roegiest, pp. 37-57). Berlin: De Gruyter.
Cardeira, E. (2016). Preto e negro, pardo, mestiço e mulato. In Colour And Colour Naming: Crosslinguistic Approaches (J. P. Silvestre, E. Cardeira & A. Villalva, Lisboa: CLUL- UAveiro, pp. 71-87). Lisboa: CLUL- UAveiro.
Cardeira, E. (2017). Identidade e norma na história do português. In Identidad, movilidad y perspectivas de los estúdios de lengua, literatura y cultura (Dickov V., pp. 53-69). Belgrado: Universidad de Belgrado/Universidad Gabrielle D’Annunzio-Pescara.